Ligue!
19 3802.2020

Pagamentos do FGTS são oportunidade para inadimplente recuperar nome limpo, orienta ACE

 

Mais de 30 milhões de brasileiros poderão sacar os valores das contas inativas do FGTS a partir de 10 de março. A partir de 10 de março, a Caixa Econômica Federal começa a pagar R$ 43,6 bilhões aos trabalhadores, numa oportunidade para que muitos quitem dívidas e saiam da inadimplência, recuperando o nome limpo.

Segundo a Caixa Econômica Federal, a maioria dos trabalhadores (56%) vai receber até R$ 500,00. Esse aporte financeiro no orçamento será suficiente, por exemplo, para que muitos holambrenses quitem suas dívidas e saiam do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC). De acordo com a Associação Comercial e Empresarial (ACE Holambra), 65% dos inadimplentes da cidade, inscritos no SCPC em 2016, devem até R$ 500,00 nas empresas da cidade. As dívidas estão principalmente no varejo. “A entrada desses recursos no mercado representa um fôlego para muitos consumidores e para as empresas também. É uma oportunidade única para quem quer recuperar o nome limpo e pagar as contas, pois quantas vezes o brasileiro pode contar com um dinheiro extra?”, comenta o presidente da Associação Comercial, Daniel Lino Rodrigues. Segundo ele, 80% das pessoas físicas e jurídicas que devem a empresas locais têm apenas uma dívida inscrita em seu nome, o que aumenta as chances de liquidar a conta e resgatar o crédito.

Dos trabalhadores que terão direito ao FGTS inativo, 24% vão receber entre R$ 500,00 e R$ 1500,00. Em Holambra, dos inadimplentes inscritos no SCPC no ano passado, cerca de 6% têm dívidas compatíveis com esse valor.

 

ACE atende consumidores interessados em conhecer dívidas

“A Associação Comercial de Holambra poderá orientar os consumidores sobre suas dívidas, mostrando valores e empresas credoras. Para isso, basta que venham pessoalmente à ACE, com documentos pessoais originais”, esclarece Daniel Rodrigues.

A consulta é gratuita e os interessados devem procurar a ACE de segunda a sexta-feira, das 8 às 17h30, à Avenida das Tulipas, 103, Centro.

 

Foto: EBC

tags: fgts, inadimpência, nome-limpo






<< Voltar