Ligue!
19 3802.2020

Consultas e inclusões do SCPC estão ativas e atualizadas: consulte e aumente sua segurança

Registros negativados hibernados foram inclusos automaticamente no SCPC

 

As empresas que deixaram de negativar ou reduziram a inclusão dos inadimplentes no SCPC em razão da lei do AR, já podem voltar a usar normalmente o banco de proteção ao crédito. Isso porque desde 18 de dezembro de 2017 os efeitos da lei foram suspensos e as inclusões hibernadas passaram automaticamente para os dados ativos do SCPC. O resultado: o cadastro de inadimplentes está atualizado e disponível para consulta por empresas de todo o país.

Assim, aqueles inadimplentes cadastrados no SCPC entre 2015 (a partir da vigência da lei 15.659) e 2017, mas cujos nomes ficaram em “hibernação”, já são vistos nas consultas que indicam restrições de crédito.

Além desse benefício, que tornam atualizadas e muito mais seguras as consultas da Boa Vista SCPC, outra importante vitória resultou da suspensão da lei: desde dezembro, as empresas não precisam mais comunicar os inadimplentes por carta com AR (Aviso de Recebimento). Sem essa obrigatoriedade, que encarecia, burocratizava e atrasava o processo, as empresas estão reduzindo custos, voltando a utilizar a Carta de Aviso de Débito.

 

» COMO FICOU A INCLUSÃO APÓS O FIM DA LEI DO AR:

• Todos os registros hibernados que foram prévia e regularmente notificados já estão sendo exibidos nas consultas, sem custo adicional e sem a necessidade de reenvio dessas notificações;

• Os registros de inadimplentes já podem ser consultados no cadastro de proteção do crédito, por meio dos produtos da Boa Vista SCPC;

• Não há, portanto, mais registros hibernados: todos migraram para a base ativa do SCPC;

• IMPORTANTE: Se sua empresa incluiu na época da hibernação e o cliente já pagou a conta, precisa excluir o nome do consumidor com urgência;

• Sem a obrigatoriedade do AR no processo de negativação, as empresas podem reduzir custos, voltando a utilizar a Carta de Aviso de Débito;

• A mudança na lei contribui também para a ampliação das informações estratégicas disponíveis nas soluções analíticas da Boa Vista, o que trará ainda mais segurança para os associados;

• Os registros incluídos a partir das 8h20 de 18/12/2017 não foram mais considerados na lei do AR e, passaram a ser notificados por meio de Carta de Aviso de Débito (sem AR).

 






<< Voltar